De repente da calma fez-se o vento...

Que dos olhos desfez a última chama...

“Tão abstrata é a idéia do teu ser,que me vem de te olhar, que, ao entreter os meus olhos nos teus, perco-os de vista.
E nada fica em meu olhar, e dista,teu corpo do meu ver tão longemente,e a idéia do teu ser fica tão rente ao meu pensar olhar-te, nem a mim sinto.''
— Fernando Pessoa.
Ah! Se o mundo inteiro me pudesse ouvir, tenho muito pra contar, dizer que aprendi. E na vida a gente tem que entender, que um nasce pra sofrer enquanto o outro ri. Mas quem sofre sempre tem que procurar, pelo menos vir achar razão para viver… Ver na vida algum motivo pra sonhar, ter um sonho todo azul, azul da cor do mar…
- Tim Maia.  (via cartas-rasgadas)

CDS